Home » 7ª EDIÇÃO (08/10/2016)

7ª EDIÇÃO (08/10/2016)

Realizada em 8 de outubro de 2016, das 10 às 20H, na Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação – FAPCOM, que fica à Rua Major Maragliano, 191, em São Paulo, próximo à estação Vila Mariana do Metrô.

 

PROGRAMAÇÃO

 

Das 13:30 às 15:00
Encontro de escritores das coletâneas da Andross Editora com seus respectivos organizadores
Com Edson Rossatto, Paola Giometti, Leandro Schulai, Alex Mir, Alfer Medeiros e Marcelo Aceti

Clube do livro: bate-papo sobre o livro “Neuromancer”, de William Gibson.
Com o grupo Traçando Livros
O grupo Traçando Livros se reúne mensalmente para discutir sobre um livro previamente escolhido e lido por seus integrantes. A participação nessa atividade é aberta a todos, inclusive àqueles que não fazem parte do grupo. Para este encontro especial no Livros em Pauta foi escolhido “Neuromancer”, de William Gibson. No futuro, existe a matrix. Uma espécie de alucinação coletiva digital na qual a humanidade se conecta para, virtualmente, saber de tudo sobre tudo. Mas há uma elite que navega por essa grande rede de informação – os cowboys. Case era um deles, até o dia em que tentou ser mais esperto do que os seus patrões. Que fritaram suas conexões com o ciberespaço, tornando-o um pária entre os seus iguais. Ele vaga pelos subúrbios de Tóquio, mais envolvido do que nunca em destruir a si próprio, até ser contatado por Molly, uma bela e perigosa mulher que, assim como ele, desconfia de tudo e de todos. Os dois acabam se envolvendo numa missão cheia de mistérios e perigos. Esta edição comemorativa de 25 anos de ‘Neuromancer’ conta com nova tradução de Fábio Fernandes e prefácio de William Gibson. O romance de estréia de Gibson é o primeiro volume da chamada ‘Trilogia do Sprawl’, que ainda inclui os livros ‘Count Zero’ e ‘Mona Lisa Overdrive’.

RPG LIVE ACTION “O estranho caso do desaparecimento de Sherlock Holmes”
ORGANIZADOR: Felipe Priori
O que as estrelas dizem quando o maior detetive do mundo morre? Quais fatos levam a acreditar que ele partiu sem deixar rastros de sua última missão? Sherlock Holmes está morto. E tudo aponta para o Professor James Moriarty. O velório estava posto e nada mais podia ser feito. E então veio o blackout e o corpo desapareceu. Como um jogo de espelhos, tudo mudou, o cenário se modificou. Moriarty não aceita a culpa, resolveu dar uma nova chance ao mundo e fazer uma última quest. Você é capaz de resolver esse mistério? – LARP Detetive

Palestra “Como Conservar livros e quadrinhos”
PALESTRANTE: L. Klink Jr.
Muitos de nós são bibliófilos, verdadeiros apaixonados por livros e, muitas vezes, compramos mais do que conseguimos ler. O resultado são estantes belíssimas, abarrotadas de livros e quadrinhos. Mas não basta ter, é preciso conservá-los. Nessa Palestra, o bibliotecário Klink dará dicas de como manter nossas preciosidades em forma de páginas por muito mais tempo em um bate-papo descontraído.

Bate-papo “RPG: troca de experiências nº 01”
CONVIDADOS: Renan Sanchez Viestel, Rafael Carneiro Vasques, Marcelo Paschoalin
MEDIADOR: Paulo Gallina
Jogos de RPG constituem ferramentas fantásticas para ganhar a atenção dos jovens em sala de aula. Por intermédio desse universo é possível estimular alunos em aulas de redação, escrevendo fanfics, ou em espaços de leitura, além de estimular a convivência. O entretenimento pode (e deve) ser usado como um instrumento didático em sala de aula e não apenas como ilustração. O Grupo Interpretar & Aprender convidou vários especialistas sobre o uso do RPG na educação para dois bate-papos exclusivos no Livros em Pauta. Os bate-papos serão descontraídos e interativos. Neste primeiro,

Bate-papo “Super-heróis da alegria – O uso do entretenimento na recuperação de pessoas”
PALESTRANTE: Maxx Figueiredo
Os Super-heróis da alegria são um grupo de cosplayers de heróis que visita crianças enfermas em hospitais, oferecendo esperança e alegria. Nesse bate-papo,o criador do grupo, Maxx Figueiredo, contará suas experiências e convidará a todos para fazer parte desse grupo.

Bate-papo “Interatividade no Entretenimento Digital: estudo de caso de Pokemon Go”
PALESTRANTE: Luciano Marzocca e Juliano Barbosa Alves
Depois de vinte anos, Pokémon volta a causar alvoroço em meio aos gamers. Uma mudança comportamental é esperada e nem sempre bem vista. O que esperar que o jogo inove nas relações entre jogadores? O quanto um jogo pode ser alienante ou afetar negativamente a vida de uma pessoa? O que acontecerá com os viciados? Serão atropelados sistematicamente? Venha participar de um bate-papo interativo com entusiastas e especialistas em entretenimento digital.

 

Das 15:00 às 19:00
Lançamento de coletâneas literárias com a presença de mais de 200 escritores!

 

Das 15:30 às 17:00
Palestra “Narrativas de horror – O medo presente na literatura, games e cinema”
PALESTRANTE: Oscar Nestarez
Em todos os tempos, o medo foi base fecunda para que diferentes escritores, cineastas, roteiristas de histórias em quadrinhos e tantos outros narradores buscassem a inspiração para a criação de suas obras. Essa palestra discutirá como a literatura de horror influenciou o cinema, que, por sua vez, influenciou os games e estes influenciaram a própria literatura e o cinema.

Palestra “Como escrever biografias”
PALESTRANTE: Gonçalo Jr.
Biografias bem feitas perpetuam o legado do biografado. Mas como fazê-las? Gonçalo Júnior, jornalista, já publicou mais de 30 livros, sendo uma boa parte deles biografias de personalidades importantes para a cultura, como o empresário Herbert Richers. Nesta palestra, ele vai dar dicas de como escolher o biografado e pesquisá-lo de forma eficiente e com credibilidade.

Palestra “Introdução à história do cinema”
PALESTRANTE: Hamilton Rosa Jr.
Manter o senso crítico frente ao bombardeio de imagens que nos assolam é um desafio cada vez mais amplo e complexo. Como ser seletivo? Essa palestra, direcionada para todos, visa buscar uma reformulação sobre a essência do olhar e sobre as possibilidades de leitura de uma foto, um quadro ou um filme. Hamilton Rosa Jr., nosso palestrante convidado, pretende exibir e analisar fotos e filmes em busca das intenções por trás de cada um dos trechos abordados, criando pontes entre o que se fazia no cinema do passado com o que se faz nesta nova era audiovisual derivativa. .

Bate-papo “RPG: troca de experiências nº 02”
CONVIDADOS: Liliane Maria Santa de Oliveira, Murillo Marques, Murillo Marques
MEDIADOR: Paulo Gallina
Jogos de RPG constituem ferramentas fantásticas para ganhar a atenção dos jovens em sala de aula. Por intermédio desse universo é possível estimular alunos em aulas de redação, escrevendo fanfics, ou em espaços de leitura, além de estimular a convivência. O entretenimento pode (e deve) ser usado como um instrumento didático em sala de aula e não apenas como ilustração. O Grupo Interpretar & Aprender convidou vários especialistas sobre o uso do RPG na educação para dois bate-papos exclusivos no Livros em Pauta. Os bate-papos serão descontraídos e interativos.

Bate-papo “Quadrinhos proibidos: censura, autocensura e o empoderamento dos leitores”
CONVIDADOS: Edilaine Correa, Eduardo Marchiori e Raphael Fernandes
MEDIADOR: Jota Silvestre
As histórias em quadrinhos ainda sofrem com a censura de regimes autoritários. Nos Estados Unidos, na década de 1950, editoras implantaram um código de autocensura para evitar represálias oficiais. Algumas, até hoje, mantêm um manual de conduta para orientar o trabalho de seus contratados. Nos últimos anos, os fãs têm conseguido impedir a publicação de trabalhos supostamente ofensivos. Até que ponto o Estado, editores e fãs têm o direito de interferir no trabalho dos artistas? É o que será debatido neste bate-papo.

 

Das 18:00 às 19:00
Cerimônia de entrega do PRÊMIO STRIX!
A partir desta edição, o Livros em Pauta acolherá a cerimônia de entrega do PRÊMIO STRIX. O STRIX foi criado pelo editor e escritor Edson Rossatto para premiar os textos mais relevantes de cada coletânea publicada pela Andross Editora. Confira abaixo no vídeo os indicados de cada livro. Entre uma premiação e outra, o duo Secretbox, representado por Michel Moe Pereira e Débora Sanna, interpretará as músicas temáticas de cada livro. A cerimônia é gratuita e aberta ao público. Não é necessária inscrição prévia.

 

 

PALESTRANTES

Edilaine Correa é formada em Letras (Tradutora/Francês), especializada em literatura francesa, Mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP com pesquisa sobre censura em charges do século XIX, trabalha há décadas entre leitores. Pesquisadora na área de comunicações investiga de que maneira os quadrinhos contribuem com a sociedade como bem cultural provocando o leitor para relaxar, abstrair, rir, refletir, aprender. Participa do grupo de editores da revista acadêmica Nona Arte (ECA USP) e do Observatório de Histórias em Quadrinhos da ECA-USP, espaço para discussões sobre HQs com vários enfoques: sociológico, histórico, artístico, jornalístico, literário entre outros.

Eduardo Marchiori é formado em Jornalismo e pós-graduado em Comunicação Empresarial. Atuou como repórter da revista Nutrinews e foi editor-assistente da revista Industria de Laticínios. Atualmente é colaborador das revistas Mundo dos Super-Heróis e Mundo Nerd, ambas da Editora Europa, publica um boletim empresarial para a empresa Fermentech Com. de Insumos para Alimentos e edita o blog Raio X, focado, focado em cultura pop. Também teve matérias publicadas nos sites Antigravidade, Papo de Quadrinho, Meu Herói, Cajumanga e 4All Magazine. Adotou o apelido Mutante X porque se considera uma pessoa em constante mutação.

Gonçalo Júnior nasceu em Guanambi, Bahia, em 1968. Jornalista e advogado, trabalhou no jornal Gazeta Mercantil, no Jornal da Bahia, no Bahia Hoje, Tribuna da Bahia e colaborou em publicações como Folha de S. Paulo, Carta Capital, Bravo! e Imprensa. É autor dos livros “País da TV”, da Conrad Editora, “Alceu Penna e as garotas do Brasil”, da Cluq, “A Guerra dos Gibis – a formação editorial brasileira e a censura aos quadrinhos, 1933-1964”, da Companhia das Letras, “Tentação à Italiana – um perfil dos mestres do erotismo contemporâneo”, da Opera Graphica, “O Homem-Abril”, da Opera Graphica e “Benício – um perfil do mestre das pin-ups e dos cartazes de cinema”, da Cluq. Publicou os álbuns de histórias em quadrinhos “Claustrofobia”, ilustrado por Júlio Shimamoto, da Devir Livraria, e “O Messias – um filme mudo em Quadrinhos”, com arte de Flávio Luiz, da Opera Graphica. Seu último livro é o Versão Brasileira: Herbert Richers – Biografia do produtor de filmes e maior dublador de TV do país, publicado pela editora Criativa.

Hamilton Rosa Jr. é roteirista e diretor de cena, atuante há mais de 20 anos no Mercado Audiovisual. Trabalhou como crítico de cinema na Folha de S. Paulo, colabora na revista Rolling Stone, no site criticos.com.br e é editor do programa semanal Mundo do Cinema, que passa no web canal da TV Êxito. Na publicidade, rodou mais de uma centena de comerciais, institucionais, filmes corporativos e propagandas políticas. Nas Artes Cênicas, estudou dois anos no Centro de Pesquisa e Multimeios da Unicamp. Já ministrou aulas de História do Cinema no Museu da Imagem e do Som em São Paulo, na Faculdade de Direito da USP (Largo São Francisco) e no Studio Take a Take. Faz parte do Grupo Criativo de Estudos Cinematográficos do Studio Take a Take, onde dirigiu os curtas Desencanto e Sua Excelência. Agora prepara-se para rodar seu primeiro longa-metragem, A Máquina.

Jota Silvestre é jornalista formado pela Universidade Metodista em 1989 e assessor de imprensa especializado em feiras e eventos. Coordenou a equipe de assessoria de imprensa de duas edições da Bienal Internacional do Livro de São Paulo (2006 e 2008). Edita o blog de cultura pop Papo de Quadrinho e colabora regularmente com as revistas Mundo dos Super-Heróis e Mundo Nerd (Ed. Europa). É roteirista do livro em quadrinhos O Fundador (Ed. Europa) Contato: jotasilvestre@gmail.com

Juliano Barbosa Alves é formado em Antropologia, Pós-Graduado em Gestão de Marketing e Mestre em Administração. Trabalha com tecnologia e games há mais de 12 anos e atualmente é Gerente de Marketing para a área de desenvolvedores da Intel e participa do Conselho Consultivo da Abragames (Associação Brasileira dos Desenvolvedores de Jogos Digitais). Ele também atua como escritor, roteirista, palestrante e blogueiro. Já participou de diversas antologias da Andross e gosta de escrever textos de fantasia e ficção científica. Mais sobre Juliano acesse: http://criadordemundos.com.br/

L. Klink Jr. é bibliotecário formado pela Fundação Escola de Sociologia e Política – FESPSP. Seu projeto de uma biblioteca especializada em quadrinhos, cujo título era Banda Desenhada, foi a base para o desenvolvimento da Gibiteca Henfil. Chefiou a Gibiteca Henfil por mais de dez anos. Fez diversos cursos de conservação de papel documental no Departamento de Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

Luciano Marzocca tem paixão por história geral e pelas mais diversas formas de ficção científica – das mais tecnicistas às mais humanistas. Já estudou Comunicação Social (pós-graduado pela ECA-USP), Teologia (graduado) e voltou à universidade para estudar Letras (FFLCH-USP). Atua como professor de Língua Portuguesa e é editor de variados periódicos desde 1995. Hoje trabalha no Calendário Geek, voltado à cultura nerd/pop. Como já disseram, é também um “acadêmico do lar”, já que cuida do filho Davi enquanto a mulher trabalha em escritório externo (e não tem problema algum com isso)..

Marcelo Paschoalin é psicólogo andreense publicado desde 2003, é autor de literatura fantástica medieval (dentre seus títulos destacam-se “A última Dama do Fogo”, “Regência de Ossos” e “Crença de Ossos”) e de RPG (tendo lançado recentemente “Atisi”).ASSUNTO NO BATE-PAPO: Criação de sistema de RPG com base literária

Maxx Figueiredo é diretor de arte, formado em Rádio e tv pela FAAP criador do grupo Super-Heróis da Alegria ilustrou para vários veículos da imprensa e publicou recentemente seu livro Rebrain.
Oscar Nestarez é mestre em Literatura e Crítica Literária pela PUC-SP e Especialista em História da Arte pela FAAP. Também é ficcionista de horror e pesquisador do fantástico na literatura. Publicou, em 2013, o livro “Poe e Lovecraft: um ensaio sobre o medo na literatura” e, em 2014, a antologia “Sexorcista e outros relatos insólitos“, ambos pelo selo Livrus Editorial.

Paulo Gallina é formado em História pela Universidade de São Paulo em 2009 e curador do Instituto Tomie Othake desde 2010. É também educador em exposições na Bienal, Centro Cultural São Paulo e SESC 2007-2010. É um dos fundadores do Grupo Interpretar & Aprender.
Rafael Carneiro Vasques é professor de Sociologia do Colégio Etapa, formado em Ciências Sociais pela Unesp/Araraquara e com mestrado em Educação Escolar pela mesma instituição. Sua dissertação aborda as potencialidades do RPG na educação escolar. Utiliza o RPG na educação desde 2003. ASSUNTO NO BATE-PAPO: Experiências gerais com RPG na educação

Raphael Fernandes é editor e roteirista de quadrinhos há 10 anos, além de ter Bacharelado em História pela Universidade de São Paulo (USP). Responsável pela reformulação da revista de humor MAD (Panini) e pelos quadrinhos da Editora Draco, Raphael Fernandes é também um dos principais editores da cena independente. Seu trabalho pode ser visto em projetos como Ida e Volta, Gibi Quântico, O Rei Amarelo em Quadrinhos, Apagão, Zikas e outras publicações.

Renan Sanchez Viestel é licenciado em matemática formado pelo Instituto de Matemática e Estatística da USP; mestrando em Educação Matemática, professor da rede particular desde 2012.ASSUNTO NO BATE-PAPO: Jogos e RPG dentro e fora de sala de aula.